New York Times repercute denúncia contra Flávio Bolsonaro

Um dos jornais mais influentes do mundo, o The New York Times afirmou que o caso das rachadinhas envolvendo Flávio Bolsonaro é um teste "à independência do sistema judiciário brasileiro"

Flávio Bolsonaro
Flávio Bolsonaro (Foto: Beto Barata - PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um dos jornais mais influentes do mundo, o The New York Times destacou em reportagem a denúncia do Ministério Público do Rio (MP-RJ) contra o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos). O caso do parlamentar é um teste "à independência do sistema judiciário brasileiro", apontou a publicação.

"Acusações contra Flávio Bolsonaro decorrem de uma série de transações financeiras suspeitas envolvendo funcionários de seu antigo gabinete legislativo na Assembleia do Estado do Rio de Janeiro. Flávio Bolsonaro foi eleito senado em 2018, mesmo ano em que seu pai conquistou a presidência", disse a matéria. 

Conforme o texto, o filho de Jair Bolsonaro "comandava um esquema conhecido como rachadinha, em que governantes eleitos embolsam parte do salário de assessores legislativos que aceitam emprego sob a condição de reduzir parte de seu salário".

O MP-RJ denunciou o parlamentar por peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Flávio Bolsonaro foi apontado como líder de um esquema de corrupção na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), onde ele cumpria mandato antes de ser eleito senador. 

As irregularidades são conhecidas como rachadinha, quando uma parte dos salários de funcionários é recolhida e repassada para terceiros, uma prática que como envolver funcionários fantasmas. Ex-assessora do parlamentar, Luiza Sousa Paes confessou que nunca atuou como funcionária dele e também era obrigada a devolver mais de 90% do salário

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247