Patrocinadores cobram providências da Record sobre assédio em 'A Fazenda'

A Oi, uma das principais patrocinadoras do reality show, condenou a ação de Lucas e disse que já solicitou apuração. Outros patrocinadores masters também entraram em contato com a Record pedindo apuração sobre o caso

Internautas cobram Record após assédio em 'A Fazenda'
Internautas cobram Record após assédio em 'A Fazenda' (Foto: Reprodução/vídeo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após viralizar na internet um vídeo em que o modelo Lucas Viana, participante do reality show 'A Fazenda', se aproxima da cama da ex-BBB Hariany Almeida enquanto ela dormia e insiste para 'ficar' com ela, patrocinadores do programa pedem apuração da Record sobre o episódio.

A Oi, uma das principais patrocinadoras do reality, condenou em nota a ação de Lucas e disse que já solicitou apuração. Outros patrocinadores masters também entraram em contato com a Record pedindo apuração sobre o caso, segundo o site Observatório da Televisão.

"A Oi repudia e se manifesta contra qualquer conduta que configure crime de natureza ou caracterize ofensa às mulheres. A Oi solicitou à emissora providências e que demande a apuração do caso às autoridades competentes para que sejam adotadas as medidas cabíveis", postou a empresa nas redes sociais.

Os internautas estão pedindo a expulsão de Lucas e acusando a emissora também de ser racista, lembrando um caso com o participante Phellipe, que também foi acusado de assédio, mas com uma postura crítica da Record. Eles lembram ainda o discurso do apresentador Marcos Mion sobre o que configura assédio e como funcionam as regras do programa.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247