Angela Merkel condena decisão do Twitter de banir conta de Trump

“O direito à liberdade de opinião é de fundamental importância”, afirmou o porta-voz de Angela Merkel, Steffen Seibert

Angela Merkel e Donald Trump
Angela Merkel e Donald Trump (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, condenou a decisão do Twitter de bloquear a conta do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump (Republicano)

“A chanceler considera problemático que a conta do presidente tenha sido suspensa permanentemente”, afirmou o porta-voz de Merkel, Steffen Seibert.

“O direito à liberdade de opinião é de fundamental importância”, disse o porta-voz em Berlim nesta segunda-feira, 11. 

Segundo Seibert, o Twitter foi certo ao marcar as postagens de Trump com advertências, mas foi longe demais ao bloquear a conta. Ele ainda disse que o governo, não empresas privadas, deveriam decidir sobre limitações da liberdade de expressão.

Para bloquear a conta do presidente norte-americano, a rede social alegou que Trump realizou postagens que incentivaram novamente manifestações como a do dia 6 de janeiro, quando seus apoiadores invadiram o Capitólio - sede do Legislativo norte-americano.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email