Biden amplia vantagem na Geórgia para 4 mil votos e fica mais próximo de ganhar

Joe Biden ampliou de 1,5 mil para 4,2 mil votos, com 98% das urnas apuradas

Joe Biden
Joe Biden (Foto: REUTERS/Kevin Lamarque)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Joe Biden, candidato do Partido Democrático à presidência dos Estados Unidos, ampliou sua vantagem na Geórgia, estado tradicionalmente republicano onde o candidato à reeleição, Donald Trump, começou liderando no início da apuração dos votos.

Biden ampliou de 1,5 mil para 4,2 mil votos, com 98% das urnas apuradas. O estado garante 16 delegados no Colégio Eleitoral. Assim, ganhando, o democrata precisaria apenas de mais um voto para chegar a 270 e garantir sua vitória. Para isso, ele teria de ganhar em qualquer outro estado. Ele lidera, segundo apuração da CNN, na Pensilvânia (tendo ultrapassado Trump), no Arizona e em Nevada.

O republicano lidera apenas na Carolina do Norte e no Alaska.

As autoridades do estado da Geórgia informaram nesta sexta-feira (6) que irão realizar uma recontagem dos votos das eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Tanto na Pensilvânia quanto na Geórgia, Biden superou Trump graças aos votos enviados pelo correio. Para Trump, o voto por correio, permitido pela legislação, seria o principal motivo da suposta fraude eleitoral que ele denuncia.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247