Em persa, Trump diz apoiar protestos em Teerã e quer observadores no Irã

De acordo com o presidente Donald Trump, "o governo do Irã deve admitir que grupos de direitos humanos monitorem e relatem fatos in loco sobre os protestos que o povo iraniano está realizando". O mandatário americano também disse que acompanha os protestos "de perto" e que "é inspirado pela coragem" dos manifestantes

(Foto: Rsq.: Reuters / Dir.: West Asia News Agency via Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que apoia as manifestações contra o governo do Irã, que admitiu ter errubado um avião da Ucrânia por engano. A tensão entre os EUA e o país do Oriente Médio  aumentou depois que forças americanas mataram o general iraniano Qasem Soleimani no Iraque.

"O governo do Irã deve admitir que grupos de direitos humanos monitorem e relatem fatos in loco sobre os protestos que o povo iraniano está realizando. Não pode haver outro massacre de manifestantes pacíficos nem a internet ser derrubada. O mundo está assistindo", disse Trump.

Trump disse que acompanha os protestos "de perto" e que "é inspirado pela coragem" dos manifestantes. "Eu tive ao lado de vocês desde o começo da minha presidência, e a minha administração continuará ao seu lado", tuitou Trump.

O presidente do Irã, Hassan Rouhani, pediu desculpas ao povo ucraniano pela derrubada do avião da Ukraine International Airlines. De acordo com a versão ucraniana, o Irã trabalha com o objetivo de repatriar os corpos dos mortos no acidente até 19 de janeiro e concorda em pagar indenizações à Ucrânia.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247