"EUA estão preocupados com a China e vão fazer uso da agenda ambiental para reverter desastres de Trump", diz Zero

O sociólogo especialista em Relações Internacionais, em entrevista ao programa auta Brasil, da Fundação Perseu Abramo, disse que "esse novo investimento na agenda ambiental tem relação com os interesses comerciais" dos Estados Unidos. Assista na TV 247

Joe Biden
Joe Biden (Foto: Reuters/Tom Brenner)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O sociólogo Marcelo Zero, especialista em Relações Internacionais, em entrevista ao programa Pauta Brasil, da Fundação Perseu Abramo, retransmitida pela TV 247, falou da ainda recente Cúpula do Clima organizada pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e que contou com a participação do Brasil.

Segundo Zero, a iniciativa dos EUA foi, na verdade, reflexo da preocupação do país com o crescimento desenfreado da China, que ameaça o império norte-americano. Os estadunidenses, de acordo com ele, “estão muito preocupados com a liderança chinesa e vão fazer uso da agenda ambiental para reverter os desastres do governo Trump. Esse novo investimento na agenda ambiental tem relação com os interesses comerciais deles".

O Brasil, para o sociólogo, "fez a aposta errada, se aliou a Trump não só na relação climática, e tomou várias atitudes que fragilizaram a fiscalização, com perdão de multas, com o ministro Salles, o único antiambientalista do mundo”, ações que geraram inclusive o fim de apoios de cooperação internacional, o que prejudicou projetos de defesa do meio ambiente. 

Bolsonaro, que apresentou realizações e metas na Cúpula do Clima que foram construídas pelos governos do PT, “fez caridade com chapéu alheio”, segundo Zero.

A agenda ambiental, na visão do especialista, é muito importante, mas pode conter uma armadilha: “como as pressões que incluam retaliações comerciais e econômicas contra países que não se esforçarem para cumprir a agenda ambiental internacional. Mas por outro lado, os países mais pobres não dispõem da tecnologia necessária para fazer a transição para uma economia verde”.

Zero afirmou que as decisões neste debate devem se preocupar com uma “forma justa, que todos os países possam dar sua contribuição sem cair em disputas geopolíticas ou pressões econômicas e manter seus interesses de forma soberana no cenário internacional”.

O Pauta Brasil, programa da Fundação Perseu Abramo, recebe especialistas, lideranças políticas e gestores públicos para discutir os grandes temas da conjuntura política brasileira. Os debates são realizados às segundas, quartas e sextas-feiras, sempre às 17h, e transmitidos ao vivo pela TV 247.

Inscreva-se na TV 247, seja membro e compartilhe:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email