Cachorro. O melhor amigo do homem… e do elefante

Quem gosta de cachorro sabe muito bem do calor afetivo e o conforto de uma presença sincera que seus companheiros caninos proporcionam. Mas talvez não saiba que ter um cão pode ajudar a melhorar a saúde do coração. É o que sugere um crescente corpo de evidências levantadas por pesquisas conduzidas na Harvard University.

Quem gosta de cachorro sabe muito bem do calor afetivo e o conforto de uma presença sincera que seus companheiros caninos proporcionam. Mas talvez não saiba que ter um cão pode ajudar a melhorar a saúde do coração. É o que sugere um crescente corpo de evidências levantadas por pesquisas conduzidas na Harvard University.
Quem gosta de cachorro sabe muito bem do calor afetivo e o conforto de uma presença sincera que seus companheiros caninos proporcionam. Mas talvez não saiba que ter um cão pode ajudar a melhorar a saúde do coração. É o que sugere um crescente corpo de evidências levantadas por pesquisas conduzidas na Harvard University. (Foto: Luis Pellegrini)


 

 

Por: Equipe Oásis

Fonte: www.luispellegrini.com.br


Ter um bicho de estimação – particularmente um cachorro – com toda probabilidade se associa a um risco diminuído de doença cardiovascular. Isso não significa que existe uma clara relação de causa e efeito entre os dois. Mas com certeza indica que a posse do animal de estimação pode ser parte de uma estratégia global para reduzir o risco de doença cardíaca.

 

 

Vários estudos mostram que os proprietários de cães têm pressão arterial mais baixa do que os não-proprietários – provavelmente porque os seus animais de estimação têm um efeito calmante sobre eles e porque os donos de cães tendem a fazer mais exercícios físicos. O poder do toque também parece ser uma parte importante desse efeito “animal de estimação”. Os mesmos estudos mostram que a pressão arterial vai para baixo quando uma pessoa acaricia ou brinca com um cão.

Há também alguma evidência de que possuir um cão está associado a baixos níveis de colesterol e triglicérides. Um grande estudo a respeito descobriu que os donos de cães têm níveis mais baixos dessas substâncias do que os não-proprietários, e que essas diferenças não foram explicados pela dieta, tabagismo, ou índice de massa corporal (IMC). No entanto, embora essas diferenças sejam evidentes, as razões da sua existência ainda não são claras.

 


Efeito calmante

O contato de cães com humanos também parece ajudar as pessoas a lidar com o estresse. Por exemplo, algumas pesquisas sugerem que pessoas com cães têm menos reatividade cardiovascular durante períodos de estresse. Isso significa que a sua frequência cardíaca e pressão arterial sobem e voltam ao normal mais rapidamente, amortecendo os efeitos do estresse sobre o corpo.

Se você possui um cão ou está pensando nessa possibilidade, os potenciais benefícios para a saúde do seu coração deverão lhe estimular. No entanto, ter um cão implica em uma série de responsabilidades, e o animal não deve ser adquirido apenas porque reduz o risco de doença cardíaca. Você não deve integrar um cão em sua vida se não estiver realmente pronto para tê-lo e para cuidar dele. A começar pelo fato de que o cão necessita de muito exercício físico.

 

 

Os cães sempre foram conhecidos por sua lealdade. Agora é a hora de reconhecer o quão importante eles podem ser para a saúde dos seus proprietários. As mesmas pesquisas, que são sólidas, mostram que possuir um cão pode: proporcionar companheirismo; ajudar o dono a ser mais ativo e vital; tornar as crianças mais calmas, mais seguras e responsáveis; melhorar a qualidade de vida das pessoas mais velhas; ajudar as pessoas a serem mais calmas, mais atentas e mais presentes em todas as situações; tornar as pessoas mais sociais e menos isoladas; aliviar o estresse.

Os benefícios são inegáveis

As pesquisas mostram que os benefícios para a saúde inerentes ao fato de se possuir um cão são inegáveis. Os proprietários de cães têm menor pressão arterial e níveis de colesterol saudáveis, e um menor risco de doença cardíaca do que os não-proprietários.

 

 

Há também muitos benefícios psicológicos quando se tem um cão ao redor. Os proprietários do cão são menos propensos a crises de solidão, ansiedade e depressão. Acariciar seu cão pode fazer você se sentir menos estressado. Um dos maiores benefícios de possuir um cão é que ele incentiva você a praticar a atenção plena – existir no momento presente e apreciar plenamente a vida. E a atenção plena, também chamada de “mindfulness”, sabidamente pode ajudar a aliviar o estresse e também a melhorar sua saúde geral.

 

Vídeo: Bubbles e Bella, os melhores amigos


 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247