Bolsonaro apoia assassinato cometido por Trump em nome do “combate ao terrorismo”

“A nossa posição é se aliar a qualquer país no mundo no combate o terrorismo. A vida pregressa dele (Suleimani) era voltada em grande parte para o terrorismo", declarou Jair Bolsonaro, indicando seu apoio ao atentado terrorista dos EUA que causou a morte do general iraniano Qassem Soleimani

Bolsonaro e Trump
Bolsonaro e Trump (Foto: Alan Santos/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Na mesma entrevista em que afirmou que o Irã, se revidar contra os EUA, cometerá uma ação "suicida", na TV Band, Jair Bolsonaro indicou apoio ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no atentado que matou o general iraniano Qassem Soleimani.

“A nossa posição é se aliar a qualquer país no mundo no combate o terrorismo. Nós sabemos, em grande parte, o que o Irã representa para os os seus vizinhos e para o mundo. A vida pregressa dele (Suleimani) era voltada em grande parte para o terrorismo. Nossa posição aqui no Brasil é bem simples, tudo que pudermos fazer para combater o terrorismo, nós faremos. Nós somos favoráveis a qualquer medida que combata o terrismo no mundo”, afirmou.

“Nós sabemos a posição do Irã perante o mundo, o que os árabes pensam a respeito do Irã e como o abandono de apoio ao Irã vem acontecendo ao ao longo dos anos. Não podemos concordar em grande parte com o que acontece lá”, completou.

Mais cedo, ao ser questionado sobre o tema, Bolsonaro evitou comentar o atentado, afirmando não ter "poderio bélico" para isso. "Eu não tenho o poderio bélico que o americano tem para opinar neste momento. Se tivesse, eu opinaria", disse.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247