Bolsonaro pergunta a eleitores nas redes sociais se deve vetar ou sancionar o fundo eleitoral

Depois de explicar o risco de sofrer impeachment caso vete o fundo eleitoral de R$ 2 bilhões, em sua interpretação, Jair Bolsonaro pergunta no Twitter: "Pelo exposto você acha que devo VETAR o FEFC, incorrer em Crime de Responsabilidade (quase certo processo de impeachment) ou SANCIONAR?"

Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro (Foto: Isac Nóbrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro lançou nas redes sociais nesta quinta-feira 2 uma pergunta aos eleitores: deve vetar ou sancionar o fundo eleitoral de R$ 2 bilhões aprovado pelo Congresso Nacional? A pergunta foi feita depois de Bolsonaro expor o que segundo ele seria o risco de sofrer impeachment caso vete a matéria.

A enquete foi feita após críticas a Bolsonaro por suas declarações na manhã desta quinta-feira 2, em frente ao Palácio da Alvorada, quando indicou que sancionaria o fundo eleitoral. Na ocasião, ele voltou citar a Constituição a jornalistas para sustentar que não poderia vetar a aprovação dos parlamentares.

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) rebateu. "Claro que é uma estratégia dele para mais uma vez jogar para a torcida e mais uma vez jogar o problema e o desgaste para o Congresso Nacional", criticou. "Falar que corre risco de impeachment por causa de um veto é uma mentira deslavada. Usar esse argumento é um estelionato com o eleitor", disse ainda.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247