Lula diz que o País foi 'desmontado' e promete pacto com prefeitos para reconstrução

"Criamos uma sala para prefeitos, uma sala em cada superintendência da Caixa", disse o ex-presidente, que recebeu uma carta da Confederação Nacional dos Municípios

www.brasil247.com - Luiz Inácio Lula da Silva
Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: Ricardo Stuckert)


247 - O candidato a presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) criticou Jair Bolsonaro (PL) nesta quarta-feira (26) e afirmou que "o País está desmontado do ponto de vista das instituições, tem 33 milhões de pessoas passando fome". O petista recebeu uma carta da Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

"Tenho orgulho de ter participado de todas as marchas de prefeitos quando fui presidente. E assim construímos uma política de entes federativos de sucesso", continuou Lula. "Nunca antes um presidente tratou prefeitos com a cordialidade que eu tratei. Criamos uma sala para prefeitos, uma sala em cada superintendência da Caixa. E nunca antes os prefeitos tiveram tanta participação na elaboração de um programa de obras nas cidades".

De acordo com o ex-presidente, "quando terminam as eleições, para um presidente, não tem que ter bolsonarista ou petista, tem que ter um País". "E você tem que conversar com todo o mundo para cuidar do Brasil".

A pesquisa Ipespe/Abrapel, divulgada nessa terça-feira (25), mostrou o ex-presidente em primeiro lugar contra Bolsonaro na disputa pelo segundo turno, marcado para o dia 30 de outubro. 

Outra pesquisa, a do Ipec, apontou que os dois candidatos estão tecnicamente empatados no estado de São Paulo, maior colégio eleitoral do País. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247