Parlamentares veem denúncia do Financial Times como gravíssima: 'o que Guedes quer esconder?'

Após o Financial Times apontar falhas nos dados estatísticos do governo, o ministro Paulo Guedes (Economia) encontra-se sob pressão. "O que Paulo Guedes tenta esconder?", questionou Sâmia Bomfim (PSOL-SP). "Bolsonaro terá elevado a fake news à condição de política econômica", disse Orlando Silva (PCdoB-SP). "Vergonha internacional", afirmou Erika Kokay (PT-DF)

(Foto: Isac Nóbrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Parlamentares criticam duro o ministro da Economia, Paulo Guedes, após uma reportagem do jornal Financial Times apontar que dados econômicos do governo Jair Bolsonaro têm falhas sobre as exportações. A matéria trouxe como título "Falha nos dados econômicos brasileiros desperta preocupações entre analistas".

De acordo com o texto do jornal britânico, as estatísticas econômicas do governo brasileiro têm falhas nos números sobre as exportações, que influenciam a cotação da moeda, e superfaturado o pibinho para 0,6%. O FT registra que o IBGE admite que pode ter que revisar os dados do terceiro trimestre, o que normalmente seria feito em apenas um ano.

"Sabemos que transparência e verdade nunca importaram para esse governo", afirmou a deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP). "Ainda assim, a suspeita levantada pelo jornal Financial Times de que informações sobre a atividade econômica brasileira foram manipuladas é algo surpreendente e muito grave. O que Paulo Guedes tenta esconder?", questionou.

Para a deputada Erika Koaky (PT-DF), a reportagem demonstra que o Brasil passa "vergonha internacional". "Jornal inglês Financial Times questiona dados apresentados pelo governo Bolsonaro sobre crescimento de 0,6% do PIB no último trimestre. O jornal questiona estatísticas econômicas e aponta falhas nos números apresentados, entre outras dúvidas de analistas", destacou.

A deputada Margarida Salomão (PT-MG) ressaltou que é "questionada a própria qualidade do governo, a competência mínima de saber coligir dados".

De acordo com o deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), "se confirmada a desconfiança do Financial Times, sobre maquiagem nos números da economia brasileira, estaremos diante de fato gravíssimo, com potencial para ferir de morte a confiabilidade do governo". "Bolsonaro terá elevado a fake news à condição de política econômica".

A deputada Maria do Rosário (PT-RS) questionou: "Este era o governo q iria 'recuperar' confiança dos investidores estrangeiros?".

Em um post na rede social, Jandira Feghali (PCdoB-RJ) viu "sinal de fumaça que vem do Financial Times!". "Se Bolsonaro maquiou dados econômicos sobre exportações vai levar o Brasil para o isolamento no mundo, prejudicando diretamente a população brasileira. Gravíssimo e mostra que Paulo Guedes entende mais de AI-5 do que de economia".

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247