Relatora vota por manter prisão de Daniel Silveira

A deputada federal Magda Mofatto (PL), relatora do processo que discute a permanência da prisão do deputado Daniel Silveira (PSL) na Câmara, afirmou em julgamento que “é preciso traçar uma linha entre a crítica contundente e a crítica democrática"

www.brasil247.com - Magda Mofatto
Magda Mofatto (Foto: Reprodução)


247 - A deputada federal Magda Mofatto (PL), relatora do processo que discute a permanência da prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), votou pela manutenção da decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que ordenou a prisão do bolsonarista nesta semana.

Ela afirmou em julgamento nesta sexta-feira, 19, que “é preciso traçar uma linha entre a crítica contundente e a crítica democrática".

“Temos entre nós um deputado que vive a atacar a democracia e as instituições”, afirmou a relatora. “A liberdade de expressão protege o discurso que nos degrada e incomoda, mas não alcança aqueles voltados a incitar a verdadeira prática de atentados contra autoridades públicas", ressaltou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ela destacou que “nenhuma autoridade está imune à crítica”. Ela disse que o deputado bolsonarista  transformou o exercício de seu mandato numa prática do discurso de ódio; e ressaltou que nenhuma democracia parlamentar defende ditadura e dá amparo legal a ameaça física.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em seu pronunciamento, ela deixou claro que ele vinculou, em vídeo publicado nas redes sociais, o uso da força militar contra o Supremo Tribunal Federal (STF) e ameaçou os ministros da Corte. E citou Ulysses Guimarães: "Ódio e nojo à ditadura".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email