América latina

Lula se solidariza com Cristina Kirchner e diz que ódio “estimulado por alguns” é ameaça à democracia na região

“Os democratas do mundo não tolerarão qualquer violência nas divergências políticas”, postou o ex-presidente no Twitter após tentativa de atentado na Argentina

www.brasil247.com - Cristina Kirchner e Lula
Cristina Kirchner e Lula (Foto: Ricardo Stuckert)


247 - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se solidarizou com a vice-presidente da Argentina, Cristina Kirchner, depois de uma tentativa de atentado à arma contra ela na noite desta quinta-feira 1º. Para Lula, ela foi “vítima de um fascista criminoso que não sabe respeitar divergências e a diversidade”.

Em postagem feita no Twitter, Lula escreveu que “esta violência e ódio político que vêm sendo estimulados por alguns é uma ameaça à democracia na nossa região”. “Os democratas do mundo não tolerarão qualquer violência nas divergências políticas”, completou.

>>> Irmão de Boric é agredido em meio a aumento da polarização política no Chile

Um homem tentou atirar contra Cristina Kirchner quando ela voltava para sua casa, em Buenos Aires, capital do país. A ex-presidente argentina tem sido motivo de manifestações desde a semana passada, após ter sido alvo de um pedido de prisão de 12 anos e desqualificação vitalícia para ocupar cargos públicos.

Segundo o ministro da Segurança, Aníbal Fernández, o autor da tentativa de assassinato é Fernando Andrés Sabag Montiel, um brasileiro de 35 anos. Conforme mostram diversas imagens, a arma falhou e Cristina não foi ferida.


Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247