HOME > Brasil

Mauro Vieira critica 'massacre' em Gaza e vê desproporcionalidade entre Israel e Hamas

Ministro enfatizou que a natureza desigual do conflito se dá entre "um exército estabelecido, forte e bem-preparado" contra "uma organização que tem um braço armado"

Mauro Vieira (Foto: Lula Marques/Agência Brasil | Mohammed Salem/Reuters)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O chanceler brasileiro Mauro Vieira fez duras críticas ao que ele descreveu como um "massacre" em Gaza, durante audiência pública na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (19). Vieira destacou a desproporcionalidade do conflito entre Israel e Hamas, apontando para o grande número de vítimas civis palestinas.

"É óbvio e evidente que o que está acontecendo [em Gaza] é um massacre. Uma desproporcionalidade; é um ataque a populações civis de forma indiscriminada," afirmou Vieira. Ele enfatizou que a natureza desigual do conflito se dá entre "um exército estabelecido, forte e bem-preparado" contra "uma organização que tem um braço armado."

Segundo o chanceler, esse desequilíbrio resulta em um elevado número de mortes civis palestinas, o que ele considera desproporcional. "O que acontece neste momento é que há 10 dias eram 38 mil mortos e é algo desproporcional."

Durante a audiência, Vieira também esclareceu que a retirada do embaixador Frederico Meyer da representação brasileira em Tel Aviv não implica um rompimento das relações diplomáticas entre Brasil e Israel. "O embaixador já deixou a embaixada, mas isso não quer dizer que rompemos as relações com Israel. Retirar o embaixador é muito aquém de um rompimento," explicou Vieira. Ele acrescentou que a embaixada brasileira permanece aberta e operando sob a liderança do encarregado de negócios, Fábio Farias.

[Com informações da agência Sputnik e do jornal O Globo] 

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados