CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Quaquá elogia nova presidente da Petrobras: "pessoa certa"

Para pré-candidato à prefeitura de Maricá, Magda Chambriard é a “pessoa certa” para liderar retomada do projeto do megacomplexo petroquímico em Itaboraí

Imagem Thumbnail
Washington Quaquá (PT-RJ) (Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Agenda do Poder - Em entrevista ao programa Jogo do Poder, atração apresentada pelo jornalista Ricardo Bruno na rede CNT, o deputado-federal Washington Quaquá elogiou a escolha da engenheira Magda Chambriard para a presidência da Petrobras. A ex-diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo (ANP) assumiu o comando da maior empresa brasileira após a demissão do seu antecessor, Jean Paul Prates, exonerado do cargo no início desta semana.

“Eu conheço a Magda desde os tempos da ANP. Ela foi funcionária da Petrobras, conhece a empresa como poucos e tem visão nacionalista. Acredito que ela será uma grande presidente e irá defender os interesses do verdadeiro dono da companhia, que é o povo brasileiro”, afirmou Quaquá.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Pré-candidato à prefeitura de Maricá, Quaquá confia na capacidade técnica e política de Magda para liderar o processo de retomada do Comperj, grande complexo petroquímico que tem suas instalações situadas na vizinha cidade de Itaboraí, no Leste Fluminense. O empreendimento teve suas obras suspensas no curso das investigações realizadas pela Operação Lava-Jato, o que causou a perda de milhares de empregos e o atraso no desenvolvimento de toda a região.

“Precisamos do Comperj para agregar valor ao petróleo que sai da costa de Maricá. Não faz o menor sentido extrair aqui e refinar nos Estados Unidos. A retomada do complexo irá gerar milhares de empregos e trazer desenvolvimento para Itaboraí e toda nossa região. A Magda é a pessoa certa para isso”, concluiu Quaquá.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O deputado fez elogios a Prates, especialmente por sua atuação na política de preços dos combustíveis, mas criticou que qualificou como “pouca energia para lidar com as pressões do mercado e para tirar do papel projetos de interesse nacional, como o próprio Comperj”, concluiu.


iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO