CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Randolfe aciona o STF contra Bolsonaro e Anderson Torres

O senador da Rede-AP quer "a instauração de um novo inquérito sobre a tentativa de golpe de Estado"

Randolfe Rodrigues (à esq.) e Anderson Torres (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado | REUTERS/Adriano Machado)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

 247 - O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) anunciou nesta quinta-feira (12) que pediu ao Supremo Tribunal Federal a criação de um inquérito para investigar o ex-ministro da Justiça Anderson Torres, acusado de não ter tido iniciativa (omissão) quando ocorreram os atos terroristas no último domingo (8) em Brasília (DF), onde apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) invadiram o Congresso Nacional, o Supremo Tribunal Federal e o Palácio do Planalto. 

Ex-secretário de Sergurança Pública do Distrito Federal, Torres foi afastado do cargo por decisão de Ibaneis Rocha (MDB), que era governador (GDF), mas não está podendo cumprir a função após o STF determinar o seu afastamento, também por suposta omissão nos atos. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

>>> Dino diz que documento encontrado na casa de Torres era preparação para golpe de Estado

"Estamos peticionando ao STF pedindo a instauração de um novo inquérito sobre a tentativa de GOLPE de Estado, incluindo o Sr Anderson Torres e o Sr Jair Bolsonaro. Eles não passarão!", escreveu o parlamentar no Twitter. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A polícia prendeu cerca de 1500 pessoas. Cerca de 600 foram liberadas. Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovaram nessa quarta-feira (11) a manutenção da decisão do ministro Alexandre de Moraes, que determinou a prisão de Torres e o afastamento do governador do DF. 

O ex-ministro da Justiça está nos Estados Unidos, mas informou que voltará ao Brasil para se apresentar à Justiça.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

>>> Haddad anuncia pacote de R$ 242,7 bi para reverter rombo deixado por Bolsonaro

A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu ao STF a abertura de pelo menso quatro inquéritos. Um deles é para saber quem são os autores intelectuais dos atos terroristas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Nos EUA, deputados do partido Democrata enviaram uma carta ao presidente Joe Biden pediu do que o governo para evitar que o país seja utilizado por Bolsonaro como refúgio em função das mobilizações terroristas. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO