“A injustiça me emociona, me instiga”, diz Maria Augusta Ramos, diretora de documentário sobre a Lava Jato

Cineasta falou sobre temas que motivam suas peças documentais e lamentou: "A injustiça infelizmente se vê muito presente no sistema de Justiça brasileiro"

www.brasil247.com - Maria Augusta Ramos
Maria Augusta Ramos (Foto: Reuters/Ueslei Marcelino | Reuters/Hannibal Hanschke)


247 - Em entrevista à TV 247 nesta sexta-feira (17), a cineasta Maria Augusta Ramos, diretora do filme 'Amigo Secreto', que aborda a farsa da Lava Jato, mencionou a injustiça como algo que a "emociona" e que a instiga a produzir suas peças documentais.

"Eu faço filmes sobre temas que me instigam, que me dão medo, que eu quero de alguma maneira compreender, me deixam confusa e eu quero ter uma compreensão melhor, fazer um sentido melhor, refletir sobre. E a injustiça certamente me emociona, me instiga. Especialmente, não só em relação à injustiça do dia a dia, mas pensar essa injustiça através do próprio sistema de Justiça", declarou a diretora.

A cineasta detalhou como o sistema de Justiça engloba, em sua visão, relações sociais que a permitem entender um pouco mais sobre a sociedade: "A abordagem cinematográfica é baseada na observação da interação humana, seja com o outro ou com o meio que ele vive, e o sistema de Justiça me possibilita isso, me possibilita revelar a sociedade através dessa interação. E acontece que a injustiça infelizmente se vê muito presente no sistema de Justiça brasileiro. (Neste contexto) não há como não falar da Lava Jato", concluiu.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email