Nando Reis diz que Bolsonaro é cruel e irresponsável

De quarentena no estado de São Paulo, o cantor Nando Reis afirmou que está "estarrecido com esse governo, principalmente com a maneira com que ele está conduzindo mal o País"

Nando Reis e Jair Bolsonaro
Nando Reis e Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução/Instagram | Isac Nóbrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O cantor e compositor Nando Reis criticou Jair Bolsonaro pela maneira como ele vem lidando com a pandemia do coronavírus. "Eu estou estarrecido com esse governo, principalmente com a maneira com que ele está conduzindo mal o país. Não há ministro da saúde até agora. As coisas que se passaram nesses três meses, os pronunciamentos, as atrocidades ditas por esse presidente (Bolsonaro)", disse o artista, que está de quarentena no interior de São Paulo. 

"Não há palavras para descrever a crueldade e a irresponsabilidade. Isso se eu for me ater só em relação à pandemia. É uma tragédia o que está acontecendo com o Brasil nas mãos dessas pessoas que estão governando", acrescentou. A entrevista foi concedida ao jornal Folha de S.Paulo

Na tentativa de amenizar os efeitos do coronavírus, Jair Bolsonaro voltou a defender na segunda-feira (22) a reabertura do comércio e disse que "talvez tenha havido um pouco de exagero" na maneira como a pandemia foi tratada. 

Segundo ele, surgem novas informações no "mundo todo". Também disse que a Organização Mundial de Saúde (OMS) cometeu equívocos.

O site disponibilizado pelo governo federal para atualizações dos dados do coronavírus apontou que o Brasil tem 1,1 milhão de confirmações e 53,8 mil mortes. 

O País lidera há três os registros de novos casos da Covid no mundo.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247