Mundo

Árabes e judeus se unem e protestam juntos na porta da Hebraica do Rio contra o genocídio praticado por Israel

Árabes, judeus e brasileiros de todas as crenças protestaram juntos e se revezaram em discursos contra o genocídio provocado por Israel contra o povo palestino

Imagem Thumbnail
Protesto em frente ao Clube Hebraica em São Paulo (Foto: Reprodução)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Nesta segunda-feira (13), o grupo “Árabes e Judeus pela Paz”, no Rio de Janeiro, liderou uma manifestação histórica na porta do Clube Hebraica, no bairro de Laranjeiras, na cidade do Rio de Janeiro, onde a Federação Israelita e a ONG Stand With Us haviam organizado uma "festa de aniversário para Israel".  

 O clube é o mesmo que, em 2018, foi palco de um comício de Jair Bolsonaro (PL) em que quilombolas e indígenas foram insultados e comparados a animais. Desta vez, o convescote das organizações sionistas teve até a presença de soldados do Exército Israelense, que foram homenageados. Além disso, ocorreu uma mobilização de transporte gratuito para levar apoiadores.  

Mas do lado de fora o clima era outro: árabes, judeus e brasileiros de todas as crenças protestaram juntos e se revezaram em discursos contra a ocorrência desse ato, lembrando do genocidio em curso na Palestina. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO