CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Aumenta número de mortos por ataque ucraniano na região de Belgorod, na Rússia

Os ataques resultaram na destruição de um prédio de dez andares

(Foto: Sputnik / Anton Vergun)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Agência Sputnik - Equipes de resgate relataram que o número de mortos chegou a 13 após o ataque ucraniano neste domingo (12) à cidade russa de Belgorod, disse um porta-voz dos serviços de emergência à Sputnik.

Conforme o governador de Belgorod, Vyacheslav Gladkov, a cidade que fica na fronteira com a Ucrânia foi atacada por bombardeios massivos das Forças Armadas do país, que resultou na destruição de um prédio de dez andares. Com base no bombardeio, o Comitê de Investigação abriu um processo criminal por ataque terrorista.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"Em Kharkovskaya Gora, em resultado de um impacto direto de um projétil em um bloco de apartamentos, toda a seção do décimo andar até o térreo desabou", detalhou Vyacheslav Gladkov.

Ao menos nove pessoas ficaram feridas quando parte de um prédio residencial desabou em Belgorod, disse um representante dos serviços de emergência à Sputnik.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Ainda foi localizado o fragmento do míssil Tochka-U, que atingiu o prédio residencial. "Houve um impacto na terceira seção do prédio. A seção está completamente desmoronada […] A evacuação dos moradores está em andamento", acrescentou.

Como resultado, o prédio desabou parcialmente, causando mortes e ferindo outras 20 pessoas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Desde 24 de fevereiro de 2022, a Rússia está conduz uma operação militar especial na Ucrânia, cujos objetivos, segundo o presidente russo, Vladimir Putin, são proteger a população de "um genocídio pelo regime de Kiev" e enfrentar os riscos à segurança nacional representados pelo avanço da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) para o leste.

As cidades russas próximas à fronteira com a Ucrânia regularmente relatam impactos de projéteis, incursões de drones e outros ataques, obrigando a população a procurar abrigo em outros lugares.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO