G7: Ômicron é "altamente transmissível" e "ação urgente" é necessária

Ministros da Saúde do G7 se reuniram para debater a nova variante do coronavírus e afirmaram ser necessário "cumprir nossos compromissos de doação" de vacinas a países pobres

www.brasil247.com -
(Foto: NIH/Divulgação via Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Após reunião nesta segunda-feira (29), ministros da Saúde do G7 afirmaram que a nova variante do coronavírus, a Ômicron é "altamente transmissível" e disseram ser necessária uma "ação urgente" para combatê-la.

"A comunidade internacional enfrenta a ameaça de uma nova variante altamente transmissível da Covid-19, que requer ação urgente", disseram os ministros em comunicado conjunto.

Os ministros também fizeram elogios ao trabalho "exemplar" da África do Sul em detectar a variante e alertar os outros países. Eles lamentaram que nações estejam impondo restrições ao país.

PUBLICIDADE

Desde o surgimento da nova cepa, diversos países, inclusive o Brasil, têm proibido o desembarque de passageiros que tenham partido da África do Sul e de outros países do sul do continente africano.

Os ministros do G7 ainda reconheceram a importância de "cumprir nossos compromissos de doação" de vacinas a países mais pobres. A desigualdade vacinal tem sido apontada como principal causa do alto ritmo de mutação do vírus, visto que enquanto países ricos já vacinaram suas populações, o coronavírus encontra em populações pobres um terreno vasto para infectar e evoluir.

PUBLICIDADE

"Os ministros prometeram se reunir novamente em dezembro", diz o comunicado.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email