Depois de Bolsonaro, Trump ataca indicação de Greta como personalidade do ano: "ridículo"

Um dia depois de Bolsonaro, Donald Trump partiu para o ataque contra a jovem ativista climática Greta Thunberg por ter ganho o prêmio de personalidade do ano da Times: "ridículo", disparou. Dois presidentes, um septuagenário outro sexagenário, machistas, ricos, de extrema-direita decidiram unir forças para atacar uma jovem de 16 anos. É algo sem precedentes na história

(Foto: Andrew Hofstetter / REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Fazendo coro com Bolsonaro, que chamou Greta Thunberg de "pirralha", o presidente dos EUA Donald Trump também disparou ataques contra a ativista climática, de 16 anos. O governante estadunidense não gostou nem um pouco do fato de Greta ter sido indicada personalidade do ano pela revista Time e usou suas redes sociais para mostrar seu incômodo. 

"Tão ridículo. Greta deveria trabalhar em seu problema de controle da raiva, depois ir a um bom e velho cinema com um amigo! Relaxa, Greta, relaxa", tuitou ele. 

Por conta de seu ativismo, Greta virou alvo de governantes da extrema-direita. Em discurso realizado na ONU, Greta destacou  "É o começo de uma extinção em massa e tudo o que vocês fazem é falar de dinheiro e contos de fada sobre um eterno crescimento econômico. Como se atrevem? ", questiounou a jovem. 

Durante a ocasião,  o presidente estadunidense expressou dúvidas sobre a veracidade do aquecimento global e disse até que o fenômeno foi "inventado pelos chineses".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247