Gleisi: Bolsonaro dá a 'senha para seus apoiadores espalharem ameaças e ódio'

"Fala de Bolsonaro sobre não dar “munição ao canalha” é a senha para seus apoiadores fazerem o contrário, espalhar ameaças e ódio. Prova disso são as mensagens que circulam em grupos de extrema direita sobre contratação de um sniper para matar o ex-presidente", rebateu Gleisi

(Foto: Câmara | PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidente nacional do PT e deputada federal, Gleisi Hoffmann (PR), reagiu ao ataque feito por Jair Bolsonaro ao ex-presidente Lula. Para a petista, a mensagem de Bolsonaro estimula mensagens de ódio por parte de seus apoiadores.

Amedrontado com a liberdade de Lula e com sua força ainda maior para liderar e organizar a oposição ao seu governo, Bolsonaro pediu, em dois tuítes, para que as pessoas não deem "munição ao canalha", sem citar o nome do ex-presidente.

"Fala de Bolsonaro sobre não dar “munição ao canalha” é a senha para seus apoiadores fazerem o contrário, espalhar ameaças e ódio. Prova disso são as mensagens que circulam em grupos de extrema direita sobre contratação de um sniper para matar o ex-presidente", rebateu Gleisi.

Em outra declaração em Brasília, Bolsonaro voltou a atacar Lula: "A grande maioria do povo brasileiro é honesto, trabalhador, e não vamos dar espaço e contemporizar com presidiário".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247