Em reunião com líder do governo, Bolsonaro reafirma apoio à candidatura de Rodrigo Pacheco no Senado

Rodrigo Pacheco é o candidato do atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), e conseguiu apoio de legendas como PSD, Pros e Republicanos. Isso pode distanciar o governo federal do MDB

Jair Bolsonaro e Rodrigo Pacheco
Jair Bolsonaro e Rodrigo Pacheco (Foto: Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro reafirmou seu apoio ao senador Rodrigo Pacheco (DEM) para a presidência do Senado em reunião com o líder do governo na Casa, Fernando Bezerra Coelho (MDB), nesta sexta-feira, 8, segundo o jornalista Caio Junqueira, na CNN.

Pacheco é o candidato do atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), e conseguiu apoio de legendas como PSD, Pros e Republicanos - contabilizando 22 dos 41 votos necessários para vencer.

Para Bolsonaro, Bezerra afirmou que o MDB do Senado terá a partir da próxima semana 15 senadores, dois a mais do que neste momento. O líder do governo na Casa ainda disse que, por ter a maior bancada, o MDB deve lançar candidatura própria para ocupar o posto da presidência. E que o partido deve compor um bloco com Podemos, PSDB e outros partidos.

O MDB cogita a candidatura do senador Eduardo Braga, líder da bancada, ou da presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Simone Tebet.

O senador Rodrigo Pacheco (DEM) buscou apoio da bancada do PT na quarta-feira, 31. O partido, porém, ainda não declarou apoio a nenhum candidato.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247