Brasília

Moraes decide prorrogar pela 11ª vez o inquérito das milícias digitais

A medida atende a uma solicitação da Polícia Federal

Ministro Alexandre de Moraes participa da sessão plenária do STF (Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes decidiu nesta segunda-feira (10) prorrogar pela 11ª vez o inquérito das milícias digitais. A medida atende a um pedido da Polícia Federal (PF), que terá mais seis meses de investigação.

O magistrado determinou a abertura do processo em julho de 2021. O inquérito das milícias é uma das principais investigações contra Jair Bolsonaro (PL): suposta tentativa de golpe, venda ilegal de joias recebidas pela Presidência e fraude em cartão de vacina.

Policiais federais devem concluir as duas últimas investigações nos próximos dias. As previsões mostraram que as apurações da possível trama golpista deve acabar até o mês de julho.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO