Secretário Mário Frias será denunciado à Comissão de Ética da presidência por ameaçar deputado do PSOL

A informação foi divulgada pelo deputado Alencar Santana Braga (PT-SP). "Vou representar o secretário Mario Frias junto à Comissão de Ética da Presidência pela ameaça ao deputado estadual Flávio Serafini", disse

Alencar Santana Braga, Mário Frias e Flávio Serafini
Alencar Santana Braga, Mário Frias e Flávio Serafini (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Alencar Santana Braga (PT-SP) afirmou no Twitter que denunciará o secretário de Cultura do governo Bolsonaro, Mário Frias, à Comissão de Ética da presidência. O motivo foi a ameaça feita pelo ator ao deputado estadual Flávio Serafini (PSOL-RJ). "Cuidado com a PF", respondeu o secretário de Bolsonaro, antes de bloquear o parlamentar no Twitter.

“Vou representar o secretário Mario Frias junto à Comissão de Ética da Presidência pela ameaça ao deputado estadual Flávio Serafini", afirmou Alencar no Twitter. "O secretário de Cultura anterior era um nazista assumido. O atual acha que a Polícia Federal é uma Gestapo. Terá que se explicar", acrescentou. 

O humorista Marcelo Adnet parodiou Mario Frias em decorrência de um vídeo publicado pela Secom anunciando uma "bela e grandiosa" série sobre a história do Brasil. O ator chamou Adnet de "criatura imunda".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email