Perdendo nas pesquisas, Bolsonaro "vai se desesperar", diz Renan Calheiros, em alerta para nova tentativa de golpe

“Ele vai se desesperar e a gente tem que estar desde logo preparado para o enfrentamento dessa situação”, destacou o senador na TV 247

www.brasil247.com - Renan Calheiros e Bolsonaro
Renan Calheiros e Bolsonaro (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado | REUTERS/Adriano Machado)


247 - O senador Renan Calheiros (MDB-AL) afirmou à TV 247 que, com as pesquisas desfavoráveis para Jair Bolsonaro (PL), uma nova tentativa de golpe está por vir. O ex-presidente Lula (PT) lidera todos os levantamentos e Bolsonaro perde para todos os candidatos no segundo turno, lembrou o parlamentar.

Esse cenário, segundo Calheiros, causará “desespero” em Bolsonaro, que sinaliza novamente estar disposto a tentar um golpe de Estado. “Há sete meses as projeções estão engessadas. Ele perde, com isso, a possibilidade de ganhar a eleição. No segundo turno ele perde para todos os concorrentes. E o desespero vai começar. Ele vai voltar a fazer o que sabe fazer. O governo ele já entregou, o país não tem políticas públicas, todas ele inviabilizou. Ele vai se desesperar e a gente tem que estar desde logo preparado para o enfrentamento dessa situação”, alertou.

O senador destacou que o chefe do governo federal voltou a colocar em dúvida a lisura do processo eleitoral brasileiro, desta vez por meio das Forças Armadas. “O presidente Bolsonaro, durante um determinado momento, largou as mobilizações para sua reeleição e passou a canalizar suas energias para um golpe de Estado, o que acabou fracassando, no dia 7 de setembro [de 2021]. Ele fez uma pausa, mas agora claramente voltou à tentativa de golpe, novamente contra o Supremo Tribunal Federal (STF), contra o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mandando que as Forças Armadas, através do Braga Netto, façam 80 perguntas ao TSE para criar uma expectativa de que, não havendo o convencimento das repostas dadas pelo TSE, vai haver uma reação das Forças Armadas, em uma tentativa de colocar as Forças Armadas no processo eleitoral”.Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email