Em delação, ex-diretor de empresa do grupo Qualicorp admitiu caixa dois para a campanha de José Serra ao Senado

Em colaboração premiada, o empresário Elon Gomes de Almeid, ex-diretor-presidente de um dos braços da Qualicorp no setor de planos de saúde, admitiu o pagamento de aproximadamente R$ 5 milhões não contabilizados para o senador José Serra (PSDB-SP) em 2014

José Serra
José Serra (Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O empresário Elon Gomes de Almeid, ex-diretor-presidente de um dos braços da Qualicorp no setor de planos de saúde, fechou um acordo de delação premiada com a Justiça Eleitoral de São Paulo e admitiu o pagamento de aproximadamente R$ 5 milhões em caixa dois para a campanha de José Serra (PSDB-SP) ao Senado em 2014. Fundador da empresa Aliança, controlada pela Qualicorp, Elon era pessoa de confiança de Seripieri Filho e operacionalizava os repasses a políticos. A informação é do jornal O Globo

A delação do empresário foi a base para a operação da Polícia Federal deflagrada nesta terça-feira (21) contra o tucano. Agentes da corporação prenderam o ex-presidente do grupo Qualicorp, José Seripieri Filho. De acordo com o delegado Milton Fornazari Júnior, responsável pela operação Paralelo 23, "no topo da cadeia criminosa tem o acionista controlador [da Qualicorp] e, no topo do político, temos o então candidato [José Serra]"

Em delação premiada, o ex-diretor afirmou que Seripieri, por manter contatos com políticos, acertou o repasse de caixa dois para o senador e ele próprio (Elon) fez o repasse, por meio de contratos fictícios com empresas que posteriormente abasteceriam a campanha de Serra. De acordo com o ex-dirigente, não foi combinado que o tucano daria algum benefício ao grupo empresarial. 

Seripieri sempre teve relações próximas com políticos. Em 2014, recebeu em seu casamento, no município de Bragança Paulista (SP), nomes como o então governador Geraldo Alckmin (PSDB), José Serra e Gilberto Kassab (PSD).

Elon fundou a Aliança Administradora de Benefícios de Saúde. A empresa  era controlada pela Qualicorp, que, em 2017, comprou o restante da participação societária na Aliança e passou a deter 100% da companhia. Na ocasião, Elon deixou o cargo de diretor-presidente da Aliança.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247