Doria decide demitir Alexandre Baldy após prisão e deve indicar novo nome ainda nesta quinta

O governador João Doria decidiu afastar o secretário estadual de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, preso por agentes da PF em uma operação contra corrupção

João Doria e Alexandre Baldy
João Doria e Alexandre Baldy (Foto: Leon Rodrigues / Secom - Pei Fon / Secom Maceió)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo de São Paulo, João Doria (PSDB), afastou o secretário estadual de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, preso temporariamente por suspeita de fraudes na Saúde do Rio de Janeiro e de São Paulo.  

O mandado de prisão foi expedido juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro.

A Polícia Federal apreendeu R$ 90 mil guardados em dois cofres de uma casa no Lago Sul, área nobre de Brasília (DF). O dinheiro é atribuído ao ex-secretário. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247