Vídeo mostra momento do ataque ao Porta dos Fundos

Imagens divulgadas pela Polícia Civil do Rio de Janeiro revelam o momento exato em que são lançados coquetéis molotov contra o prédio da produtora, gerando explosão e incêndio, e a ação do segurança, que apagou as chamas com um extintor

Explosão após ataque à produtora do Porta dos Fundos
Explosão após ataque à produtora do Porta dos Fundos (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Imagens das câmeras do circuito interno da produtora Porta dos Fundos, localizada no Humaitá, Zona Sul do Rio de Janeiro, mostram o momento exato em que são lançados coquetéis molotov contra o local, gerando explosões e incêndio.

O segurança que trabalha no prédio apaga as chamas em seguida com a ajuda de um extintor. As imagens foram divulgadas pela Polícia Civil do Rio de Janeiro. Um vídeo do site Ponte Jornalismo foi publicado no Youtube na última terça-feira 31.

Antes dessas cenas, imagens externas mostram o veículo que teria sido usado para o ataque passando por uma rua próxima à sede da produtora. 

O principal suspeito de ser o autor do ataque é Eduardo Fauzi Richard Cerquis, que está foragido. A Polícia Civil do Rio de Janeiro vai pedir ajuda da unidade de Santa Catarina para tentar localizá-lo. Fauzi é filiado ao PSL e investigado por atuação em milícias, além de tem vínculos com organizações integralistas, movimento político de inspiração fascista.

Nesta quarta-feira 1, um vídeo gravado por Fauzi, sem identificação de data, foi compartilhado na internet e mostra seu discurso contra os humoristas do Porta dos Fundos: “criminosos, marginais, bandidos”. Para ele, “quem fala mal de Cristo prega contra o povo brasileiro”.

Assista:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247