Sul

Cruz Vermelha alerta que reconstrução do RS levará 'pelo menos um ano'

A Cruz Vermelha irá apoiar 25 mil pessoas desabrigadas pelos próximos 12 meses

Imagem Thumbnail
Casas destruídas pelas enchentes em Jacarezinho (RS) (Foto: Reuters/Diego Vara)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – A Federação Internacional da Cruz Vermelha (FICV) afirmou que a reconstrução das regiões impactadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul deve levar pelo menos um ano. A entidade lançou um apelo internacional nesta segunda-feira (13) para implementar um plano de emergência e prestar assistência às vítimas das chuvas que têm assolado o estado gaúcho.

"Essa inundação sem precedentes afetou dois milhões de pessoas em áreas rurais e urbanas, e o número de desabrigados ultrapassou 620 mil, com mais de 81 mil pessoas alojadas em escolas, ginásios e outros abrigos temporários", disse. "Esses números podem aumentar, pois os danos ainda estão sendo avaliados em algumas áreas remotas ou isoladas, e o estado está novamente em alerta com o risco de as águas subirem a níveis recordes na capital, Porto Alegre”.

Através do apelo emergencial, a Cruz Vermelha irá apoiar, ao longo dos próximos 12 meses, 25 mil pessoas que deixaram as próprias casa e precisam de assistência urgente. A ação priorizará famílias monoparentais com crianças menores de cinco anos, pessoas com deficiência e idosos. (Com informações do UOL).

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO