Sul

Gleisi esclarece função de Paulo Pimenta e destaca importância da coordenação das ações federais no RS

"Ele não vai ser o executor, que vai ser o executor é o governo do estado, os ministérios. Ele vai ser o articulador", disse a presidente do PT

Imagem Thumbnail
Gleisi Hoffmann e Paulo Pimenta (Foto: Gabriel Paiva/Câmera dos Deputados | Reprodução/X/@lucasleffa)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), destacou a importância do deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) para comandar a Secretaria Extraordinária da Presidência da República de Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul.

"Pimenta é uma pessoa muito próxima do presidente. Mostra a preocupação do presidente em estar presente no Rio Grande do Sul. Pimenta é uma pessoa muito avaliadora, determinada, muito firme. Enfrenta, organiza, se comunica", afirmou Gleisi em entrevista ao jornalista Kennedy Alencar.

"Ele não vai ser o executor, que vai ser o executor é o governo do estado, os ministérios. Ele vai ser o articulador. Se não tiver alguém com esta autoridade, começa o estado a fazer de um jeito, o município de outro. A gente vai ter uma resposta mais rápida. o ministério pode não conhecer a realidade (de perto)".

No RS, 458 dos 497 municípios gaúchos tiveram problemas por causa das enchentes e 617 mil pessoas estão fora de suas casas - 540,1 mil estão desalojadas (em casas de amigos ou parentes) e 77,2 mil foram acolhidas em abrigos. 154 pessoas morreram entre o fim de abril e a primeira quinzena de maio.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO