CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sul

RS: Governo Lula vai expandir Minha Casa, Minha Vida, comprar casas e quitar imóveis de leilão para dar às famílias atingidas

Medidas fazem parte de esforço conjunto do governo federal para fornecer moradias dignas e reconstruir as comunidades afetadas pelas enchentes

Presidente Lula durante anúncio de novas medidas de assistência ao Rio Grande do Sul, nesta quarta-feira (15) (Foto: Ricardo Stuckert/PR)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O ministro da Casa Civil, Rui Costa, durante um evento em São Leopoldo (RS), anunciou novas medidas de apoio às vítimas das enchentes que assolaram o Rio Grande do Sul. Em nome do presidente Lula, o governo federal se comprometeu a garantir que todas as famílias que perderam suas casas devido às enchentes terão suas residências reconstruídas através do programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV).

"Estamos garantindo que as casas que foram perdidas na enchente, aquelas que se encaixam dentro do perfil do Minha Casa, Minha Vida, 100% dessas famílias terão suas casas de volta pelo Governo Federal", afirmou o ministro Rui Costa.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Uma das estratégias anunciadas é a compra assistida de imóveis usados que atendam aos critérios do Minha Casa, Minha Vida. O governo irá adquirir essas propriedades e entregá-las às famílias desabrigadas. Além disso, imóveis em processo de leilão pela Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, devido à inadimplência, serão retirados dos leilões e quitados pelo governo para serem destinados às famílias afetadas.

Outra possibilidade é a aquisição de imóveis em fase de construção ou já concluídos diretamente das construtoras. No Rio Grande do Sul, 14 mil domicílios em diferentes estágios de construção foram identificados para serem bloqueados e adquiridos pelo governo.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O ministro destacou também a utilização de propostas inscritas no MCMV em 2023 que não foram selecionadas devido ao limite de benefícios do estado ou a realização de um novo chamamento para atender às demandas remanescentes.

Para agilizar o processo, Rui Costa fez um apelo aos gestores municipais para que informem rapidamente as necessidades de moradia em seus municípios. O sistema estará disponível no site do Ministério das Cidades para receber essas informações.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Essas medidas fazem parte de um esforço conjunto do governo federal para fornecer moradias dignas e reconstruir as comunidades afetadas pelas enchentes, garantindo que as famílias atingidas tenham acesso a um novo lar o mais rápido possível.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO