No dia da prisão, esposa de Milton Ribeiro disse que ex-ministro 'estava sabendo' de operação da PF

"No fundo ele não queria acreditar, mas ele tava sabendo", disse Myrian Ribeiro, em referência ao seu marido, o ex-ministro Milton Ribeiro

www.brasil247.com - Myrian Ribeiro e Milton Ribeiro
Myrian Ribeiro e Milton Ribeiro (Foto: Reprodução/Instagram)


247 - Esposa do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, Myrian Ribeiro afirmou a um interlocutor, às 9h19 da última quarta-feira (22) que o ex-titular da pasta "tava sabendo" com antecedência da realização de uma operação contra ele. Naquele dia, Ribeiro foi preso por acusação de envolvimento em tráfico de influência e corrupção no MEC. O telefonema de Myrian aconteceu com uma pessoa da sua família. O conteúdo do aúdio foi publicado nesta sexta-feira (24) pelo jornalista Aguirre Talento, no jornal O Globo. 

"No fundo ele não queria acreditar, mas ele tava sabendo. Pra ter rumores do alto, a coisa... é porque o negócio já tava certo", disse ela, de acordo com mensagens interceptadas pela Polícia Federal. 

Em outro áudio, Ribeiro afirmou a uma pessoa que Bolsonaro tinha avisado o ex-ministro sobre uma operação no MEC. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Parlamentares do PT fizeram um requerimento para convocar o ministro da Justiça, Anderson Torres, e o diretor-geral da PF, Márcio Nunes de Oliveira, sobre a suposta interferência de Bolsonaro na corporação. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A PF iniciou as investigações sobre corrupção no MEC após a divulgação de um áudio, em março, quando Ribeiro afirmou que, a pedido de Bolsonaro, liberava dinheiro do MEC por indicação de dois pastores, Arilton Moura e Gilmar Santos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Policiais prenderam o ex-assessor do MEC Luciano Musse, os dois pastores, o ex-ministro Milton Ribeiro e Helder Bartolomeu, ex-assessor na Prefeitura de Goiânia e genro de Arilton.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email