Padre defende Thammy Miranda: "O que ofende a tal moral cristã? O pai trans que cuida de seu filho?"

Padre Júlio Lancelotti saiu em defesa de Thammy Miranda, rapaz trans que tem sido alvo de ataques na internet pela participação em uma campanha do Dia dos Pais promovida pela Natura

Padre Júlio Lancelotti e Thammy Miranda
Padre Júlio Lancelotti e Thammy Miranda (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O padre Júlio Lancelotti defendeu o homem trans Thammy Miranda, que tem sido algo de ataques na internet pela participação na campanha do Dia dos Pais promovida pela Natura. A declaração foi concedida em missa realizada na paróquia São Miguel Arcanjo, em São Paulo.

"O que ofende a tal moral cristã? O pai trans que cuida de seu filho? Ou o abandono, a fome, o desrespeito, o veto ao auxílio emergencial às mães que criam seus filhos sozinhas?", questionou, fazendo referência também ao projeto vetado por Bolsonaro que priorizaria as mulheres no pagamento do auxílio.

Miranda disse que não se define de direita ou esquerda. "Não vou me definir como comunista, nem conservador, nem nada. Sou progressista", afirmou ele, alvo de ataques de pessoas conhecidas, como o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e o pastor-empresário Silas Malafaia

Leia a íntegra na Revista Forum

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247