Preso pela PF, Baldy votou pelo golpe contra Dilma para 'limpar Brasil da corrupção'

O secretário de Transportes do estado de São Paulo, Alexandre Baldy, foi preso nesta quinta-feira e vai responder por corrupção, lavagem de dinheiro, peculato e organização criminosa

www.brasil247.com - Alexandre Baldy
Alexandre Baldy (Foto: Reprodução/Site Alexandre Baldy)


247 - Preso nesta quinta-feira (6) pela Polícia Federal, o secretário de Transportes do estado de São Paulo, Alexandre Baldy, votou pelo golpe contra a ex-presidente Dilma Rousseff em 2016 enquanto deputado federal.

Baldy responderá por corrupção, lavagem de dinheiro, peculato e organização criminosa.

Em 2016, ao votar pelo golpe contra Dilma, Alexandre Baldy disse: "Senhor presidente, - em referência ao então presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha - momento histórico que vivo e que agradeço a Deus por ter a oportunidade de ajudar meu povo a limpar esse País de mazelas, corrupção e maus feitos".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Aliados do governador de São Paulo, João Doria, já cobram o afastamento de Baldy.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email