Liana cirne lins

O judiciário, ao abrir mão da sua credibilidade como instância imparcial, ao condenar a si mesmo, perde sua autoridade para se fazer respeitado. Perde a legitimidade que separava o "cumpra-se" da força bruta
Liana Cirne Lins

O juiz está nu

O judiciário, ao abrir mão da sua credibilidade como instância imparcial, ao condenar a si mesmo, perde sua autoridade para se fazer respeitado. Perde a legitimidade que separava o "cumpra-se" da...

Ao vivo na TV 247 Youtube 247

Últimos envios

Revista Brasil 247