CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

"Prioridade para as eleições de 2024 é fortalecer o campo democrático, não apenas o PT", diz Gleisi

Deputada listou prioridades do partido para o pleito deste ano e afirmou que a meta é "defender o presidente Lula, defender a democracia e preparar o terreno para 2026"

Gleisi Hoffmann (Foto: Reprodução)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) e deputada federal Gleisi Hoffmann (PR) destacou, em entrevista ao SBT News desta quarta-feira (24), a importância de fortalecer o campo democrático nas eleições municipais deste ano. Segundo Hoffmann, o momento atual exige uma união entre os partidos comprometidos com os valores democráticos diante da ameaça representada pela extrema-direita.

"Para nós é muito importante que o campo democrático saia fortalecido da eleição", enfatizou Gleisi durante sua participação no programa Perspectivas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A líder petista explicou a mudança de estratégia do PT em relação às eleições municipais de 2020, quando o partido priorizou mais as candidaturas próprias. Desta vez, ela ressaltou a importância de apoiar candidaturas de outros partidos aliados, visando fortalecer uma frente ampla em defesa da democracia.

“Não precisa só o PT ter candidato e o PT ganhar. Acho que a gente tem que fortalecer esse campo democrático, candidaturas de partidos que estão conosco desde o início. Por isso que a estratégia da eleição agora de 2024 foi muito diferente da estratégia da eleição de 2020, onde nós estimulamos muito as candidaturas e também não tínhamos uma frente mais constituída. Então o PT foi para o embate”, explicou a Gleisi.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“E foi correto, porque nós tínhamos que nos defender, defender o presidente Lula e preparar o terreno para 2022. Agora a gente tem que defender o presidente Lula, tem que defender a democracia, tem que preparar o terreno para 2026 e tem que ser do campo amplo. Então por isso que o PT tem essa estratégia na eleição de apoiar também mais candidaturas de outros partidos. Eu espero, sinceramente, que o retrato que saia da eleição é o campo democrático brasileiro ganhou a maioria das cidades”, acrescentou.

PRIORIDADES - Gleisi destacou a importância das disputas em cidades estratégicas como São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e Rio de Janeiro. Para ela, essas eleições representam uma prioridade para o PT e seus aliados. “Nós temos prioridades, tanto em relação às candidaturas do PT, como em relação às candidaturas desses outros partidos. São Paulo é prioridade, Boulos [Psol] é a prioridade para nós, é muito importante ganhar São Paulo. Acho que nós temos que fazer uma bela campanha, o presidente já disse que vai participar da campanha, então para nós é uma grande prioridade”, disse.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

“Porto Alegre também, Maria do Rosário [PT] é a nossa candidata, está indo muito bem lá, está bem nas pesquisas. Belo Horizonte também, porque aí é uma candidatura do PT, é do sudeste, a única que a gente tem nas grandes cidades do sudeste é Belo Horizonte. A gente quer retomar o PT, a organização do partido lá, o Rogério [Correia] é um excelente candidato”, afirmou.

Sobre o Rio de Janeiro, Gleisi revelou que o PT está em negociações com o prefeito Eduardo Paes para uma possível aliança. "No Rio a gente está conversando com o Eduardo Paes, o PT quer colocar vice do Eduardo Paes. (...) é muito importante o PT se ver na sua chapa, para a gente poder ajudar nessa caminhada", destacou a parlamentar, ressaltando a importância de uma colaboração estratégica para enfrentar os desafios eleitorais no estado.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO