'Os espíritos de Bruno Pereira estão passeando na floresta e espalhados na gente', diz esposa de indigenista

"Nossa força é muito maior", disse a antropóloga Beatriz Matos

www.brasil247.com - Bruno Pereira e Beatriz Matos
Bruno Pereira e Beatriz Matos (Foto: Reprodução)


247 - Esposa do indigenista da Fundação Nacional do Índio (Funai) Bruno Pereira, a antropóloga Beatriz Matos afirmou, nesta quinta-feira (16), em rede social, que os "espíritos do Bruno estão passeando na floresta e espalhados na gente, nossa força é muito maior".

Os irmãos Amarildo da Costa Oliveira, conhecido como Pelado, e Oseney da Costa de Oliveira, conhecido como Dos Santos, confessaram o assassinato de Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips. Eles desapareceram no dia 5 deste mês na Amazônia. 

Amarildo está detido desde 7 de junho. De acordo com a polícia, ele foi visto por ribeirinhos, no dia do desaparecimento, em uma lancha atrás da embarcação de Pereira e Phillips. Policiais encontraram vestígios de sangue no barco dele, que vinha negando ter qualquer relação com o caso. Oseney foi preso temporariamente nesta terça-feira (14) por 30 dias. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além de Amarildo e Oseney, a Polícia Federal investiga mais três suspeitos pelo assassinato do jornalista e do indigenista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com a corporação, o material orgânico encontrado durante buscas pelo indigenista e pelo jornalista é parte de estômago humano.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email