CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Meio Ambiente

Porto Alegre e mais 14 capitais não têm Plano de Mudanças Climáticas, mostra levantamento

A capital gaúcha está entre as 15 que não têm estruturado um planejamento com o objetivo de amenizar os riscos de eventos extremos

Enchente em Porto Alegre (Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Uma pesquisa do Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), vinculado à Secretaria de Estado de Economia e Planejamento (SEP) do Espírito Santo, mostrou que, no Brasil, apenas 11 capitais mais o Distrito Federal têm um Plano de Mudanças Climáticas. Capital do Rio Grande do Sul, Porto Alegre está entre as 15 que não têm estruturado um planejamento com o objetivo de amenizar os riscos de eventos extremos. A capital gaúcha é a única da região Sul do país sem uma estratégia local para gestão do clima, de acordo com informações publicadas neste domingo (12) no jornal O Globo.

O levantamento foi realizado no começo de maio com a consulta de informações oficiais das prefeituras. Além de Porto Alegre, estão na lista de capitais sem um plano: Aracajú (SE), Belém (PA), Boa Vista (RR), Cuiabá (MT), Campo Grande (MS), Goiânia (GO), Macapá (AP), Manaus (AM), Maceió (AL), Natal (RN), Palmas (TO), Porto Velho (RO), São Luiz (MA) e Vitória (ES).

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Além do Distrito Federal, as onze capitais brasileiras que têm o Plano são: Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Recife (PE), Fortaleza (CE), São Paulo (SP), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA) e Teresina (PI). A pesquisa apontou que Manaus, Belém, Vitória e Porto Alegre têm uma estratégia em andamento, mas não concluída.

Segundo Pablo Lira, diretor geral do IJSN, "o levantamento demonstra uma certa negligência dos gestores para a elaboração desse plano em 15 capitais". "Se o poder público planeja e estabelece estratégias de gestão local para prevenção, mitigação e adaptação aos eventos climáticos extremos, ele consegue salvar vidas, amenizar danos e reduzir impactos de eventos extremos nos municípios", continuou.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"Esperávamos que a pesquisa demonstrasse que a maioria das capitais brasileiras teriam cumprido a elaboração do plano municipal de mudanças climáticas, e o resultado é preocupante. Demonstra um nível de negligência e falta de responsabilidade dos gestores dessas 15 capitais".

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO