CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mídia

Folha admite erro em ataque ao STF e a Alexandre de Moraes

Jornal havia acusado o ministro de derrubar perfis nas redes com base em pedidos de órgão criado por ele. No entanto, a informação não é verdadeira

Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Na esteira dos ataques feitos pelo bilionário de extrema direita Elon Musk, dono do X, antigo Twitter, ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao ministro Alexandre de Moraes, a Folha de S. Paulo acusou o magistrado, em reportagem na quinta-feira (18), de ter derrubado uma série de perfis nas redes sociais e determinado a exclusão de conteúdos com base em pedidos feitos pela Assessoria Especial de Enfrentamento à Desinformação, órgão supostamente criado por ele em 2022. 

No entanto, nesta sexta-feira (19), o jornal voltou atrás e corrigiu a informação: "a Assessoria Especial de Enfrentamento à Desinformação do TSE foi criada por Edson Fachin, não por Alexandre de Moraes, como afirmado em versão anterior desta reportagem".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Moraes tem sido alvo de variados ataques de Elon Musk e outros nomes de extrema direita, que o acusam de praticar censura no Brasil, especialmente durante a campanha eleitoral de 2022, quando foi necessário remover determinados perfis e postagens das redes sociais para conter a disseminação de desinformação. Os ataques de Musk têm agitado a extrema direita no país.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO