Documentos da Precisa apresentam erros graves e levantam suspeitas sobre autenticidade

No documento de representação exclusiva, que dá plenos poderes à Precisa nas negociações, o nome do bairro indiano aparece com um erro de digitação

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Documentos enviados pela Precisa Medicamentos ao Ministério da Saúde, em nome da farmacêutica indiana Bharat Biotech, apresentam inconsistências graves. As certidões, que tratam da aquisição da vacina Covaxin, estão em posse da CPI da Covid. 

Os documentos são em papel timbrado e estão carimbados, mas até o nome e endereço estão errados, informa a rádio CBN.

No documento de representação exclusiva, que dá plenos poderes à Precisa, representante da Bharat Biotech no Brasil, o nome do bairro indiano aparece com um erro de digitação. O nome do laboratório está escrito como Bharat Biotech Limitada Internacional, ao invés de Bharat Biotech Internacional Limitada.

PUBLICIDADE

O outro documento é uma declaração de inexistência de fatos impeditivos, em que está escrito duas vezes Biotech com B no final, e não com H.

Os documentos foram enviados pelo laboratório em português, ao contrário do padrão, o inglês. 

PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email