Em BH, professor é espancado por policiais durante votação da "escola sem partido"

Um vídeo mostra o momento em que um professor, identificado como Cleiton dos Santos, é retirado da galeria da Câmara. A imagem mostra o professor sofrendo um golpe de “mata-leão” de um dos seguranças da Casa

247 - Um professor da rede municipal de ensino foi agredido por seguranças da CMBH (Câmara Municipal de Belo Horizonte), na tarde desta quarta-feira (9), durante sessão plenária que discute a aprovação do Escola Sem Partido na capital mineira. A informação é do Portal BHAZ.

Um vídeo mostra o momento em que um professor, identificado como Cleiton dos Santos, é retirado da galeria da Câmara. A imagem mostra o professor sofrendo um golpe de “mata-leão” de um dos seguranças da Casa.

Segundo um dos diretores do Sind-Rede BH (Sindicato dos Trabalhadores da Educação da Rede Pública Municipal de Belo Horizonte), Daniel Wartil, que acompanha a audiência na Casa, a confusão começou após os ânimos entre opositores se acirrarem.

“Estávamos acompanhando a sessão e, a cada momento, um grupo se manifestava. Éramos dois grupos, um contra o projeto e outro apoiando, exaltando o Coronel Ustra, um torturador, fazendo arminha com as mãos etc. Começamos a questionar a segurança, pois somente nós estávamos sendo reprimidos… Gostaríamos de entender essa diferença. Neste momento, a segurança partiu para cima da gente”, contou o diretor ao portal BHAZ.

Veja:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247