Segundo o Atlas da Notícia, divulgado nesta quarta-feira, 11, “deserto de notícias” atinge um total de 37,4 milhões de pessoas. Cenário é preocupante para as eleições de 2020, onde a maioria dos brasileiros se informam exclusivamente por meio do aplicativo WhatsApp, utilizado como meio de disseminação em massa de notícias falsas nas eleições de 2018

Ao vivo na TV 247 Youtube 247

Últimos envios

Revista Brasil 247